Sobre estudar o que não gosta.

image

Sabe quando você percebe que não adianta você tentar colocar aquilo na cabeça, porque você nunca vai sentir alegria ao ter que estudar aquela matéria chata da escola?
Eu não sei o resto do mundo, mas eu sei que química não funciona pra mim. Não importa o quão interessante seja a parte teórica, na hora de fazer as reações e tudo mais, eu simplesmente não entendo.
Mas não é exatamente disso que eu queria falar. É de algo um pouco mais além que a escola, que é obrigatória se você quer fazer um curso superior.
Eu estou no sexto semestre de um curso técnico que eu simplesmente não sei lidar kk não significa que eu odeio aquilo, mas eu simplesmente não me identifico.
O fato de eu estudar algo que eu não gosto acaba sendo mais trabalhoso e cansativo do que se eu estudasse algo que eu realmente me identifico.
Faço técnico em eletrônica, mas como meu professor diz pelo menos eu vou sair de lá sabendo o que eu não gosto.
Enfim, isso me leva a pensar nas pessoas que trabalham a vida inteira em algo que não gostam. Como é possível ser feliz assim? Será que o dinheiro no fim do mês compensa todo o cansaço que é ter que trabalhar um mês todo em algo que não os deixa feliz?
Se alguém souber, por favor me diz.
A única coisa que sei é que não quero ser assim, ser mantida num lugar que não gosto pelo dinheiro.
Mas então, talvez, você se pergunte porque eu me mantenho num curso que não gosto. 1°) faltam três meses pra eu terminar; 2°) minha formação no ensino médio depende disso e entrei nesse curso pra tentar ter um ensino médio melhor e 3°) apesar de não gostar, eu acho super interessante kk.
Bom, é isso. Talvez um dia eu entenda o porque o dinheiro merece tanto o sacrifício das pessoas. É complicado pra mim essa lógica.

Anúncios

Publicado por

Gabrielly Cabral

Gabrielly Raphaella Rodrigues Cabral, 18. Sou de São Paulo e amo essa cidade grande e barulhenta. Gosto de livros, filmes, músicas e etc. E acho que é só.

9 comentários em “Sobre estudar o que não gosta.”

  1. Minha maior preocupação com o meu futuro é a parte financeira. Passei minha vida pensando em prestar vestibular para o curso que eu achava ideal, que era apaixonado e que seria uma baita segurança no futuro. Porém, do nada, me encontro cheio de dúvidas e com uma nova paixão. E faltam dois meses para o enem…

    Curtido por 4 pessoas

    1. É complicado esse negócio de paixão, sabe. Porque não é só porque amamos fazer algo que é isso que vamos querer vender pro mercado. Aprendi isso a pouco tempo. É bem complicado, eu poderia passar horas falando disso (até porque eu poderia passar horas falando sobre qualquer assunto, já que eu falo demais kk). Enfim, é confuso, mas boa sorte pra nós.
      ;*

      Curtido por 2 pessoas

  2. É, realmente, difícil explicar por que se fica em um trabalho que não se gosta por tanto tempo.
    Entretanto, o maior motivador é o medo.
    Imagine que você entra para uma carreira, da qual acaba gostando, a princípio. Então, vai enjoando do trabalho e as coisas não são mais tão interessantes. Entretanto, você já atingiu certo cargo e depende do dinheiro. Como você não sabe se consegue mudar de carreira agora e se vai conseguir continuar pagando suas contas, fica mais fácil ficar. Mudar, nessa altura, seria muito arriscado.

    Como não estou falando por experiência própria, posso estar redondamente enganado. Estou feliz com minha carreira e faço o que gosto (na maior parte do tempo, pelo menos).

    Mas a vida é assim mesmo.
    Vamos acabar fazendo muitas coisas de que gostamos e muitas coisas não tão agradáveis.
    Se soubermos lidar, conseguimos ser felizes, mesmo no meio das turbulências.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Concordo com você na questão de ser mais fácil ficar, até porque eu estou prestes a concluir um curso que não me identifico e que tomou três anos da minha vida. E o meu motivo pra manter isso, não é questão financeira.
      Mas assim, sem falar de pessoas que dependem fortemente do dinheiro que o trabalho dá, eu vejo muitas pessoas que nunca trabalharam na vida, discutindo sobre qual profissão levar porque aquilo trás mais dinheiro. Aconteceu isso hoje mais cedo, as pessoas discutem sério sobre um valor monetário que elas nunca tiveram, entende? Eu me preocupo com isso kk
      Enfim, muitas vezes vamos fazer o que não gostamos, mas tem coisas que são necessárias, tem outras “encrencas” que a gente entra porque quer.
      ;*

      Curtido por 1 pessoa

      1. Na minha opinião, quem escolhe algo apenas pelo dinheiro ainda não sabe como é duro fazer o que não tem o menor interesse ou é tão gananciosa que consegue deixar isso de lado.
        Claro, há também aqueles que o fazem temporariamente para, depois que adquirirem uma reserva, fazerem aquilo que gostam. Nesse caso, acho interessante.

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s